Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Nevada votará para legalizar a maconha

Entre as inúmeras decisões de democracia direta que os eleitores americanos farão amanhã, o referendo para a legalização da maconha no Estado de Nevada é a que chama mais atenção. A iniciativa foi financiada por três filantropos bilionários - George Soros, John Sperlling e Peter Lewis - e tem excelentes chances de ser aprovada, para desespero do diretor do escritório nacional de controle da política de drogas da Casa Branca, o "czar das drogas", John Walters.Em Arizona e em algumas cidades da costa leste, os eleitores decidirão sobre a legalização da maconha para uso medicinal, o que já é permitido em seis outros Estados: Califórnia, Oregon, Washington, Alasca, Colorado, Havaí e Maine. Projetos prevendo vários graus de legalização da maconha tramitam ou já foram aprovados - mas ainda não implementados - em 21 outros Estados. Uma decisão recente do vizinho Canadá, que abriu o caminho para a legalização da maconha, deverá intensificar o debate nos EUA nos próximos meses e anos.Menos visível mas igualmente falada é a Proposta 49, na Califórnia, que prevê a instituição de programas nas escolas para o período depois do encerramento das aulas. Tipicamente, o dia de aula termina entre 14h30 e 15h na maioria das escolas públicas americanas e milhões de crianças voltam para casas vazias, porque, na maioria dos casos, seus pais trabalham até pelo menos as 17h. O dado politicamente relevante sobre a Proposta 49 não é o seu mérito, nem a importante questão do financiamento - inexistente, no momento, no orçamento do Estado - para financiar o programa, mas o nome de seu patrocinador. A iniciativa tem o apoio financeiro de Arnold Schwarzenegger e está sendo interpretada pela imprensa da Califórnia como um passo preparatório para o lançamento da candidatura do ator ao governo ou Senado da Califórnia, em 2004.Schwarzenegger é casado com uma Kennedy - a apresentadora de televisão Maria Kennedy Shriver - mas tem carteirinha do Partido Republicano, que namora há algum tempo a idéia de lançar "O Exterminador" na arena política.

Agencia Estado,

04 de novembro de 2002 | 19h34

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.