Nevascas mata 1 e deixam mais de 5 mil desabrigados na China

O mau tempo destruiu 800 casas e deixou cerca de 5 mil danificadas na região noroeste do país asiático

Efe,

10 de janeiro de 2010 | 04h06

Uma pessoa morreu e mais de 5.400 tiveram de ser desabrigadas por conta das fortes nevascas que caíram na região de Xinjiang, no noroeste da China, informou a agência oficial Xinhua neste domingo.

 

A neve, que também causa problemas em outras partes do país, provocou a destruição de 800 casas e deixou outras 4.900 danificadas, especialmente nas áreas de Tacheng e Altay. Mais de 260 mil pessoas em Xinjiang foram prejudicadas pelas nevascas, que causaram quedas de energia e problemas na rede de transporte.

 

O Ministério de Assuntos Civis enviou à região 5 mil barracas de campanha e 10 mil cobertores, além de uma verba de US$ 2,2 milhões para atender os refugiados.

 

Uma forte onda de frio assola a China desde o início do ano. Em cidades como Pequim, capital do país, 90% dos voos foram cancelados.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinaneve

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.