Nicarágua e Irã estudam firmar acordos de cooperação

O presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, e seu colega nicaragüense, Daniel Ortega, assinarão neste domingo, dia 14, em Manágua, um "amplo acordo de cooperação" e aproximarão relações durante uma visita de um dia ao país centro-americano, informaram neste sábado fontes oficiais.O acordo será assinado amanhã, quando está prevista a chegada do líder iraniano procedente de Caracas. O vice-chanceler iraniano para assuntos da Europa e América, Said Yalili, disse à imprensa local que o acordo incluirá itens nos setores econômico, industrial, cultural e da energia elétrica.O diplomata iraniano, que assistiu à cerimônia de posse de Ortega no último dia 10, disse que o acordo também pode incluir apoios para a fabricação de maquinaria agrícola, ônibus e outros veículos, industrialização agropecuária, petroquímicos, fábricas de cimento, usinas elétricas, produção de energia eólica, portos e outros."A Nicarágua e o Irã são dois países com capacidades potenciais para ter uma cooperação mútua", apontou o diplomata.Segundo Yalili, o Irã manifestou às novas autoridades nicaragüenses a disponibilidade para pôr em prática a experiência econômica de seu país de "forma sincera".O vice-chanceler iraniano disse que Ahmadinejad não assistiu à posse de Ortega pela "importância da visita para abordar os temas bilaterais", algo que não poderia ter feito ante a presença de pelo menos 14 chefes de Estado e de Governo durante o ato.Segundo ele, o Irã quer ser o primeiro país a entrar em fase operacional de cooperação com a Nicarágua.Ahmadinejad viajará amanhã de Manágua rumo ao Equador para assistir à posse de Rafael Correa, recém-eleito à Presidência deste país.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.