Nigéria confirma primeira morte por Ebola

Portas de entrada do país, o que inclui aeroportos, portos e fronteiras terrestres estão em alerta vermelho, segundo ministro de Saúde

Agência Estado

26 de julho de 2014 | 15h09

Abuja, 26/07/2014 - O surto de Ebola que atinge o oeste da África se espalhou para o quarto país, com a Nigéria confirmando a primeira morte pela doença, nesta sexta-feira. A vítima foi um homem da Libéria, que passou mal em um avião e assim que pousou na Nigéria foi colocado em quarentena.

"Todas as portas de entrada na Nigéria, incluindo aeroportos, portos e fronteiras terrestres foram colocadas em alerta vermelho", disse o ministro de Saúde da Nigéria, Onyebuchi Chukwu. Segundo ele, as autoridades do país, que é o mais populoso da África, colocaram especialistas em todas as portas de entrada e a supervisão ativa foi fortalecida.

O Ebola, que é uma das doenças mais contagiosas e letais do mundo, já matou pelo menos 660 pessoas e infestou outras 1.093 em Serra Leoa, Libéria e Guiné. Autoridades de saúde têm alertado que um surto da doença na capital nigeriana, Lagos, que tem quase 21 milhões de habitantes, seria catastrófico. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
NigériaEbolamorte

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.