Nigéria espera por 'boas notícias' sobre sequestradas

O Conselho Nacional de Estado da Nigéria promete entregar "uma boa notícia" muito em breve sobre as mais de 200 estudantes mantidas em cativeiro por extremistas islâmicos por quase três meses.

AE, Agência Estado

08 de julho de 2014 | 19h46

O resgate das meninas estava no topo da agenda da reunião de terça-feira, disse o governador Godwill Akpabio, que relatou ainda que "as autoridades militares também confirmaram que os esforços estavam sendo feitos e que muito em breve teremos boas notícias".

O governador acrescentou ainda que a questão não é se as meninas podem ser resgatadas, mas como fazê-lo sem pôr em perigo as suas vidas.

Ele disse ainda que o conselho, que era dirigido pelo presidente Goodluck Jonathan e seus assessores de segurança nacional, ficou a certeza de que o presidente e os militares estão "em cima da situação".

As garotas foram sequestradas em meados de abril pelo grupo extremista Boko Haram, que em uma tradução livre significa "a educação ocidental é pecaminosa". Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Nigériaviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.