Nigéria pretende endurecer leis contra gays

Proposta de pena de 14 anos de prisão para casais que co-habitem tem amplo apoio.

BBC Brasil, BBC

05 de dezembro de 2011 | 13h30

Legisladores nigerianos preparam uma proposta de lei que condena casais gays que vivem juntos a 14 de prisão, endurecendo a legislação contra homossexuais no país.

A Anistia Internacional disse que a medida ameaça os direitos humanos básicos de um grande número de nigerianos.

O senador Ahmed Lawan afirma que se o casamento gay fosse liberado, a população diminuiria muito portanto a lei é para a proteção da humanidade.

Atos homossexuais já são ilegais na Nigéria e na semana passada o Senado já vetou por ampla maioria uma proposta para legalizar o casamento de pessoas do mesmo sexo. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
gaynigériahomossexual

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.