Nigéria:presidente promete reagir a atentado em mesquita

O presidente da Nigéria, Goodluck Jonathan, prometeu rastrear os autores do atentado que matou mais de 100 pessoas na mesquita central da cidade de Kano nesta sexta-feira.

Estadão Conteúdo

29 Novembro 2014 | 17h25

Jonathan disse que seu governo vai "continuar a tomar todas as medidas para pôr fim aos atos condenáveis de todos os grupos e pessoas envolvidos em atos de terrorismo".

As mortes foram provocadas por explosões de bombas, segundo funcionários do hospital da cidade. Mais de 150 pessoas ficaram feridas. Fonte: Associated Press

Mais conteúdo sobre:
Nigériaatentado

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.