No Alabama, republicanos preparam armas para festa da eleição

Eleitores do partido que domina o Estado querem comemorar vitória em clube de tiro

Reuters

06 de novembro de 2012 | 08h16

BIRMINGHAM - O Alabama pode não ser um Estado decisivo na disputa eleitoral dos Estados Unidos, mas os republicanos locais estarão armados para comemorar a eventual vitória de Mitt Romney na noite desta terça-feira, 6.

 

O partido, que domina a política local e é defensor do porte de armas, vai realizar sua principal festa da campanha em um campo de tiro perto da cidade de Birmingham. "Faz parte da nossa filosofia celebrar em um lugar que vende armas. Uma arma é uma forma de se proteger e de caçar, um grande esporte do Alabama", disse Bill Armistead, presidente do Partido Republicano do Alabama.

Apenas armas descarregadas serão permitidas dentro do clube de tiro na festa depois das eleições, de acordo com os organizadores. "É um lugar muito bom para fazermos uma recepção", disse Armistead, citando o bar que existe no local.

A segurança será reforçada, segundo ele, acrescentando que "algumas pessoas bastante intimidadoras estarão armadas e prontas" para o trabalho de segurança nas entradas do local.

Além da vitória de Romney, os republicanos do Alabama esperam comemorar vitórias sobre os democratas em todos os cargos em disputa no Estado. Se isso acontecer, será a primeira vitória 100% republicana no Estado desde a Reconstrução, no século 19.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.