No Chile, Lula diz que mineiros resgatados são 'heróis'

O ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva se reuniu hoje com quatro dos 33 mineiros resgatados no ano passado de uma mina de ouro e cobre no Chile. O encontro ocorreu durante um almoço com o presidente do Chile, Sebastián Piñera. "Agradeço aos companheiros (mineiros), que eu acredito que escreveram uma página definitiva na história do povo chileno porque são heróis", afirmou Lula. Os 33 mineiros permaneceram 70 dias presos a 700 metros de profundidade depois de um acidente ter interditado a saída da mina de ouro e cobre em que trabalhavam.

AE, Agência Estado

05 de julho de 2011 | 17h11

Na visita ao Chile, Lula qualificou o resgate dos mineiros como um exemplo do que se pode conseguir quando uma pessoa está motivada. "O fato de eles terem sobrevivido dependeu de muita dedicação da parte do governo chileno mas também da coragem e do controle emocional e psicológico dos mineiros", disse o ex-presidente. Lula está no Chile para os atos de comemoração dos 200 anos da fundação do Congresso Nacional do país. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
ChileLulamineirosencontroheróis

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.