No Equador, pesquisas apontam Correa e Noboa no 2ª turno

O candidato esquerdista Rafael Correa e o magnata Álvaro Noboa alcançarão o segundo turno das eleições presidenciais do Equador após a primeira votação deste domingo, indicam três pesquisas diferentes realizadas em todo o país.Segundo o instituto Cedatos, Correa tem 31,1% das intenções de voto e é seguido por Noboa, com 25,2%. O social-democrata León Roldós aparece em terceiro com 19,1%, e a social-cristã Cynthia Viteri é a quarta com 11,5%.A pesquisa da Cedatos, divulgada neste sábado, se junta à do instituto Market, que aponta empate técnico entre Correa e Noboa. De acordo com a Market, Correa tem 28,4% das intenções de voto e Noboa 27%. Na terceira posição aparece Roldós, com o 18,4%.Na última sexta, o instituto Informe Confidencial divulgou que Correa tem 30% das intenções de voto e Noboa 23%. As três pesquisas revelam crescimento do apoio popular ao milionário Álvaro Noboa. Os resultados das pesquisas reveladas até a noite deste sábado, poucas horas antes da abertura dos colégios eleitorais, descartam a possibilidade de algum candidato ganhar no primeiro turno.A divulgação das pesquisas é vetada no Equador. A legislação eleitoral proíbe a veiculação deste tipo de informação 20 dias das eleições no país. Comparecem às urnas neste domingo, 9,1 milhões de equatorianos.Pesquisa boca-de-urnaO instituto de pesquisa Cedatos/Gallup Internacional divulgará neste domingo, 15, a boca-de-urna logo depois do fechamento dos colégios eleitorais no Equador.Conhecida no Equador como Exit Poll, a pesquisa será divulgada às 17h (19h de Brasília) pela televisão local Ecuavisa, pelo jornal eletrônico Ecuadorinmediato.com e no site da Cedatos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.