No México, 19 morrem durante confronto com Exército

Conflito ocorre no mesmo Estado onde 72 imigrantes foram encontrados mortos em agosto

Agência Estado

16 de setembro de 2010 | 13h41

NUEVO LAREDO - Pelo menos 19 homens armados morreram em um confronto com tropas do Exército no Estado de Tamaulipas, no nordeste do México, informou o Exército nesta quinta-feira. O Estado onde ocorreram as mortes, fronteiriço com os Estados Unidos, é o mesmo onde 72 imigrantes ilegais foram encontrados mortos, no mês passado.

 

Veja também:

lista Saiba mais sobre o tráfico de drogas no México

 

Um funcionário do Exército afirmou que os militares receberam um telefonema anônimo, denunciando um falso bloqueio em uma via. "Após confirmar que eles (responsáveis pelo bloqueio) não eram autoridades, o incidente ocorreu", explicou a fonte, pedindo anonimato.

 

Desde 2006, a violência relacionada ao tráfico de drogas no México deixou mais de 28 mil mortos, a maioria na área fronteiriça com os EUA. O governo destacou 50 mil militares para combater os traficantes.

Tudo o que sabemos sobre:
MéxicoviolênciaExército

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.