No Paquistão, 32 insurgentes morrem em combates

Enfrentamentos entre rebeldes e forças paquistanesas em região tribal acontecem há 3 dias

Efe,

12 de setembro de 2008 | 04h26

Pelo menos 32 insurgentes morreram nos dois últimos dias nos combates travados com as forças de segurança do Paquistão na região tribal de Bajaur, que faz fronteira com o Afeganistão, informou nesta sexta-feira, 12, o porta-voz do Exército Murad. A operação ainda está em andamento. Os enfrentamentos começaram na noite de quarta-feira (local), quando um grupo de insurgentes atacou posições do Exército na região. A emissora Geo TV, que cita fontes não identificadas, disse que 66 insurgentes e seis soldados paquistaneses morreram nos novos combates em Bajaur. O Exército tinha suspendido no final de agosto sua ofensiva contra a insurgência taleban em Bajaur, em uma "trégua" por causa do Ramadã que foi rompida esta semana. Khan disse nesta sexta-feira que quase 600 insurgentes morreram em Bajaur na operação que o Exército lançou no princípio de agosto, que também causou o deslocamento de cerca de 200 mil pessoas, segundo a Cruz Vermelha.

Tudo o que sabemos sobre:
PaquistãoconfrontoTaleban

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.