Noboa e Roldós se revezam na liderança dos votos no Equador

As primeiras contagens oficiais daseleições presidenciais deste domingo no Equador mostraram umaestreita margem entre os principais candidatos. No primeirolugar de início se alternaram o ex-presidente Rodrigo Borja e omagnata Alvaro Noboa. Carlos Aguinaga, presidente do Tribunal SupremoEleitoral, divulgou pela televisão os primeiros números sobre22% dos votos contados. Nesse primeiro informe, Borja tinha 17,60%, León Roldós16,5%, Lucio Gutiérrez 16,44%, Alvaro Noboa 16,29% e XavierNeira, 15,57%. O funcionário exortou o país a manter "a calma etranqüilidade" antes de proclamar os ganhadores e advertiu queuma grande porcentagem dos votos ainda teriam de serescrutinados. Meia hora depois, no entanto, um novo informe oficialsobre a apuração de 26,7% do total dos votos mostrou que jáhavia uma mudança substancial nas posições dos primeiroscolocados: Noboa passou à liderança com 17,47%, seguido deRoldós, com 16, 71%, Gutiérrez, com 16,41% e Borja, com 15,59%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.