Nordeste espera 133% turistas estrangeiros a mais no verão

Com a chegada do verão, a previsão de chegada de turistas estrangeiros ao Nordeste bateu recorde. O aumento de vôos previsto é de 133%, em relação à temporada anterior, quando houve 18 vôos, semanalmente. Neste ano, em sete cidades nordestinas, chegam 42 vôos por semana, provenientes de 14 países. Segundo a Embratur, informa a Agência Brasil, o resultado se deve à retomada do fluxo da Argentina, depois da crise econômica que o país enfrentou. Além disso, uma parceria entre Embratur, Infraero e a Comissão de Turismo Integrada do Nordeste (CTI-NE) tem promovido o Brasil no exterior e consolidado o Nordeste como destino. De acordo com a Embratur, a parceria com a Infraero também permitiu o aumento de espaços nos porões das aeronaves para a exportação de produtos perecíveis do Nordeste para os países emissores de turistas.Nesta temporada de verão, a Argentina é o páis com o maior número de vôos para o Brasil: dez vôos, ou cinco vezes mais do que no verão passado. Portugal é o segundo da lista, com nove vôos, três a mais que no ano anterior. Os demais países são Escandiná via, com cinco vôos; Itália, Holanda e Uruguai, com quatro; Chile, três; Espanha, dois; França e Suíça, um cada. ARepública Checa, a Bolívia e a Guiana Francesa têm, pela primeira vez, uma linha para a região.Natal (RN), Fortaleza (CE) e Porto Seguro (BA), empatadas, são as cidades que recebem o maior número de chegadas: 11 por semana. Em segundo lugar, estão Salvador (BA), Maceió (AL), Recife (PE) e Aracaju (SE).De acordo com a CTI-NE, neste ano, são esperados na região cerca de 16 milhões de turistas, entre brasileiros e estrangeiros.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.