Noruega vai cortar produção de petróleo

O Ministério do Petróleo da Noruega disse que o país vai cortar sua produção de petróleo em 150 mil barris de 1º de janeiro a 30 de junho do ano que vem. O Ministério informou que, em sua última estimativa, a produção de petróleo estava prevista em 3,17 milhões de barris diários nos primeiros seis meses de 2002. Após a redução de 150 mil barris diários, a estimativa de produção será de 3,02 milhões de barris por dia. O Ministério acrescentou que a decisão não é parte de qualquer acordo formal estabelecido com a Opep ou com países não-membros da organização, e que será suspensa se outro país produtor não implementar os cortes anunciados. O ministro do Petróleo da Noruega, Einar Steensnaes, disse, em comunicado, que "a decisão de reduzir a produção tem intenção de ajudar a estabilizar o mercado de petróleo cru e evitar queda dos preços do petróleo para níveis excessivamente baixos". O Ministério disse que os cortes serão aplicados a todos os participantes do mercado norueguês de petróleo, igualmente e de forma não discriminatória. Além disso, todos os campos de exploração de petróleo do país serão alvo de redução proporcional na produção, com exceção dos campos de Statfjord e Murchison, onde a exploração é realizada em conjunto com a Grã-Bretanha. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.