Nos EUA, Schwarzenegger e mulher decidem se separar

O ex-governador da Califórnia Arnold Schwarzenegger e sua mulher, Maria Shriver, anunciaram na noite de ontem sua separação, após 25 anos de matrimônio. "Este tem sido um tempo de grandes mudanças pessoais e profissionais para os dois", afirmaram eles em comunicado. "Após uma grande consideração e reflexão, conversas e orações, chegamos a esta decisão juntos".

AE, Agência Estado

10 de maio de 2011 | 12h34

A declaração, difundida pelo porta-voz do ator, destaca que ambos seguirão educando juntos seus quatro filhos. Não está claro quem ficará com as crianças, nem com a mansão de Brentwood. O ator Schwarzenegger, membro do Partido Republicano, terminou em janeiro seu segundo mandato como governador, completando sete anos no cargo. Desde então, dedicou-se a fazer palestras e a projetos artísticos.

Shriver é filha da falecida Eunice Kennedy Shriver. Ela deixou seu trabalho como jornalista da NBC News para cumprir o papel de esposa do governador. Como primeira-dama da Califórnia, realizava um congresso anual para mulheres que atraiu muitas empresárias, políticas e celebridades, além de milhares de espectadores. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
SchwarzeneggermulherseparaçãoEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.