Nova onda de tremor atinge a Argélia

Uma nova onda de terremotos sacudiu a Argélia hoje pela manhã (9h hora local) com uma força de 5,8 na escala Richter que chega a 9. Na capital, Argel, o tremor causou pânico pelas ruas. Ontem um forte sismo foi sentido no país. Há três pessoas mortas, mais de 300 feridas e um número impreciso de desaparecidos.As ondas de choque de ontem e hoje são um choque secundário do forte tremor que sacudiu parte da Argélia. O tremor da semana passada, que deixou mais de 2.218 mortos, mais de 9.000 feridos e cerca de 2.000 desaparecidos, teve magnitude 6,8.O choque foi sentido em Reghaia, cidade a 25 quilômetros da capital. O tremor de ontem foi praticamente na mesma região afetada pelo devastador terremoto da semana passada. Pelo menos um casa desabou em Boumerdes, cidade duramente afetada pelo tremor da última quarta-feira.Temendo o desabamento de suas casas e apartamentos, muitos moradores de Argel montaram barracas nas ruas e parques da cidade, no decorrer dos últimos dias. Desde a semana passada, a reação desajeitada do governo vem causando revolta entre os argelinos. A lentidão das autoridades locais gerou um vácuo que foi rapidamente preenchido por entidades assistenciais ligadas a grupos fundamentalistas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.