Nova série de atentados mata 16 pessoas no Iraque

Uma nova série de explosões no Iraque matou 16 pessoas e feriu outras dezenas nesta quinta-feira, 30. O número de vítimas fatais ainda pode aumentar, segundo as autoridades. Os atentados aconteceram na capital Bagdá e na cidade de Mosul, no norte do país. Carros-bomba e militantes suicidas cometeram os ataques. As vitimais são, em sua maioria, civis.

AE-AP, Agência Estado

30 de maio de 2013 | 11h11

Nenhum grupo reivindicou o ataque até o momento, mas a suspeita é de que o braço da Al-Qaeda no Iraque seja o responsável pelos bombardeios.

O país enfrenta a sua maior onda de violência desde a retirada das forças militares norte-americanas em 2011. Mais de 500 pessoas morrem no mês de maio. De acordo com levantamento da ONU, abril foi o mês mais violento no Iraque desde 2008, com mais de 700 mortes. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Iraqueviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.