Nova York aprova casamento de homossexuais

Casamentos entre pessoas do mesmo sexo são agora legais no Estado de Nova York, depois que o governador Andrew Cuomo assinou o projeto de lei que foi aprovado por uma pequena margem de votos pelo Legislativo na sexta-feira. Trata-se de uma enorme vitória para os ativistas do Estado, onde nasceu o movimento em favor dos direitos dos gays.

AE, Agência Estado

25 de junho de 2011 | 10h45

Nova York se tornou o sexto Estado onde casais gays podem se casar.

Defensores dos direitos dos homossexuais esperam que a votação estimule o movimento em todo o país e ajude a reavivar a luta, depois que uma lei quase idêntica foi derrotada em Nova York em 2009 e tentativas semelhantes também não deram certo em outros Estados nos últimos anos.

Os efeitos da legislação serão sentidos além de Nova York. Ao contrário de Massachusetts, o primeiro Estado a aprovar o casamento gay em 2004, Nova York não exige comprovante de residência para a obtenção de uma licença para casamento, o que significa que o Estado pode ser tornar o local escolhido para casais homossexuais de todo o país.

Nova York, o terceiro Estado mais populoso dos Estados Unidos, agora faz parte do grupo formado por Connecticut, Iowa, Massachusetts, New Hampshire, Vermont e a capital, Washington, onde pessoas do mesmo sexo podem se casar.

"Assim que a lei for sancionada, a população dos Estados Unidos que vive em situação de igualdade de casamento vai dobrar", disse Ross Levi, diretor executivo do grupo GLTB Empire State Pride Agenda, em entrevista. "Isto certamente vai ter um efeito cascata em todo o país. Trata-se realmente de uma noite histórica para o amor. Nossas famílias e a democracia venceram."

Embora Nova York seja um Estado que tenha aprovado a medida com certa demora, a lei é considerada um troféu importante por defensores dos direitos dos homossexuais, tendo em vista o tamanho do Estado e a representatividade internacional da cidade de Nova York.

Considera-se que o movimento gay tenha começado com os tumultos no hotel Stonewall, no bairro de Greenwich Village, Nova York, em 1969. Uma enorme festa de rua teve início do lado de fora do Stonewall Inn na noite de sexta-feira, com os participantes agitando bandeiras com as cores do arco-íris. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Nova Yorkcasamento gayhomossexuais

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.