Novas tormentas atingem os EUA e matam pelo menos 3

Tormentas atingiram o leste dos Estados Unidos entre a noite de ontem e a madrugada de hoje, inundando cidades e povoados entre New England e a Geórgia, prejudicando o fornecimento de energia e causando pelo menos três mortes na área de Atlanta.

AE, Agência Estado

27 de maio de 2011 | 14h03

Intensas tormentas ocorreram no centro de Vermont, provocando o transbordamento de rios e quebrando o asfalto. Cerca de 200 pessoas tiveram de deixar suas casas. O rio Winooski e um de seus afluentes alagaram as ruas da capital estadual de Vermont, Montpelier, e donos de comércios com sótãos alagados trabalhavam duro para levar as mercadorias para locais mais altos.

"Foi como se o rio tivesse chegado à porta da minha casa", contou Darlene Colby, despertada pela polícia à 1h (horário local). Ela pegou alguns pertences e passou o restante da noite em um refúgio.

Plainfield, a leste de Montpelier, recebeu mais de 130 milímetros de chuva, segundo o Serviço Meteorológico Nacional. Também houve inundações em partes do norte de New Hampshire. Algumas casas foram esvaziadas na área de Littleton. No povoado de Seward, na Pensilvânia, as rajadas de vento destruíram a cobertura de um circo, deixando cinco pessoas feridas, entre elas três crianças.

As aulas foram suspensas hoje em Montpelier e em outras comunidades do centro de Vermont. As tormentas atrasaram voos de Atlanta, um dos aeroportos mais movimentados do mundo, durante mais de duas horas. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAtormentasmortes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.