Nove pessoas morrem em colisão de barcos na Rússia

Um navio de passeio superlotado colidiu com uma lancha e afundou no Rio Moscou, na manhã de hoje, matando nove pessoas, segundo autoridades russas citadas em reportagem do Wall Street Journal. A principal agência de investigação do país afirmou que o barco estava carregando 16 pessoas, quatro a mais do que sua capacidade máxima. O proprietário e capitão da embarcação, que morreu no acidente, já descumpriu as regras de segurança três vezes no passado, conforme a agência.

AE, Agência Estado

31 de julho de 2011 | 11h39

A imprensa russa afirmou que o barco, de nome Lastochka, foi alugado para uma festa de aniversário e estava se movendo de maneira irregular, circundando a lancha numa curva larga do Rio Moscou, próximo ao Luzhniki Stadium. A colisão ocorreu à 1 hora do horário local. Autoridades do ministério de emergências da Rússia declararam que o barco foi arrastado para baixo da lancha depois da batida. Seis passageiros foram resgatados com a ajuda da tripulação da lancha e outros conseguiram nadar. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
barcocolisãomortesRússia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.