Nove pessoas morreram na passagem de tufão no Japão

O tufão "Shanshan" se dirige em direção ao norte no Mar do Japão e seus ventos perderam força após causar mais uma morte, que se soma às oito pessoas falecidas durante sua passagem pelo sul do arquipélago durante o fim de semana, informou nesta segunda-feira a agência de notícias "Kyodo".A Agência Meteorológica alertou sobre fortes ventos de mais de 54 km/h em uma ampla área que cobre da região de Hokuriku, no centro, a Hokkaido, no sul do país.Em sua passagem pela ilha de Kyushu, no sudoeste do arquipélago japonês, e Okinawa, no extremo sul, o "Shanshan" teve ventos de mais de 144 km/h nas proximidades de seu núcleo, segundo as autoridades meteorológicas.O tufão provocou deslizamentos de terra no domingo em Sasebo, na província de Nagasaki, e na manhã desta segunda-feira se localizava cerca de 200 quilômetros ao noroeste da região de Shimane.São previstas para até a tarde da próxima terça-feira precipitações de 100 milímetros no oceano Pacífico, frente às regiões de Tohoku, Koshin, Tokai e Kinki.O trânsito por terra, mar e ar ficou interrompido durante todo o domingo, afetando 50 mil passageiros aéreos, além dos de trem que viram suas viagens serem canceladas.Um trem regional da companhia Kyushu Railway descarrilou e causou ferimentos leves em cinco de seus 32 passageiros, além do maquinista, assinalou a Polícia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.