Novo líder da Al-Qaeda não é Bin Laden, afirma secretário de Defesa dos EUA

Ayman al-Zawahri não teria carisma e habilidades de Bin Laden, mas já é buscado pelos EUA

estadão.com.br,

16 de junho de 2011 | 18h54

WASHINGTON - Ayman al-Zawahri, o novo comandante da Al-Qaeda, não tem o mesmo carisma nem as habilidades de Osama Bin Laden como líder terrorista, disse nesta quinta-feira, 16, o secretário de Defesa dos Estados Unidos, Robert Gates.

 

Gates, entretanto, afirmou que a nomeação do antigo número 2 da Al-Qaeda como sucessor de Bin Laden é um sinal de que o grupo terrorista segue ativo e, por isso, deve ser perseguido.

 

"Apesar de ter sofrido uma grande perda com o assassinato de Bin Laden e vários outros membros, a Al-Qaeda busca sobreviver, busca achar substitutos para aqueles que foram mortos e segue comprometida com a agenda que Bin Laden deixou", destacou Gates.

 

O chefe do Estado-Maior das Forças Armadas, almirante Mike Mullen, disse que a ascensão de Al-Zawahri não é uma surpresa e que o novo líder receberá a mesma atenção que os Estados Unidos deu a Bin Laden. Assim como buscamos e tivemos êxito em matar Bin Laden, faremos o mesmo com Al-Zawahri", acrescentou Mullen.

 

Perfil

 

Ayman al-Zawahiri nasceu no Cairo em 1951 e é cirurgião oftalmologista. Ele ajudou a fundar o grupo militante Jihad Islâmica Egípcia e foi um dos fundadores da Al-Qaeda.

 

Especialistas acreditam que ele foi o "cérebro operacional" por trás dos atentados de setembro de 2001.

 

Dentro da Al-Qaeda, ele vinha ocupava a posição de número dois, atrás somente de Bin Laden. Era também o segundo na lista de "terroristas mais procurados" pelo governo americano. Os Estados Unidos oferecem um prêmio de US$ 25 milhões por sua captura.

 

A mulher e os filhos de Al-Zawahiri teriam sido mortos em um ataque aéreo americano no fim de 2001.

 

Com AP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.