Novos choques entre Fatah e Hamas deixam um morto

Pelo menos uma pessoa morreu e várias foram feridas nesta terça-feira em novos confrontos entre milicianos armados do Fatah e do Movimento Islâmico Hamas perto do hospital Shifa, na Cidade de Gaza, segundo fontes de segurança.O morto era Ismail Abulher, de 25 anos e militante do Hamas, informaram fontes médicas. O conflito também explodiu nas imediações da residência e dos escritórios do presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas.Por enquanto não se sabem os motivos da quebra do cessar-fogo acordado na segunda-feira com a ajuda de vários mediadores, entre eles a Jihad Islâmica e o Egito.As fontes informaram que membros das "forças auxiliares" do ministro do Interior, Ziyad Siyam, do Hamas, enfrentaram o Corpo de Inteligência da Autoridade Nacional Palestina (ANP), leal ao presidente Mahmoud Abbas.A troca de tiros recomeçou ao amanhecer, após a libertação, na madrugada desta terça-feira, de mais de 10 seqüestrados do Fatah e do Hamas horas antes.Abbas, líder do Fatah, deve chegar ainda nesta terça-feira a Gaza. Fontes políticas prevêem uma reunião com o primeiro-ministro Ismail Haniyeh, do Hamas.A onda de violência entre os dois movimentos palestinos se intensificou no fim de semana, quando Abbas anunciou sua decisão de antecipar em quase três anos as eleições legislativas.Matéria atualizada às 04h50 para acréscimo de informações

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.