Novos choques étnico-religiosos matam três na Índia

A polícia indiana impediu ajuntamentos e patrulhou as ruas da maior parte das cidades do estado de Gujarat, onde três homens foram mortos a tiros neste sábado em diferentes incidentes em meio a uma nova onda de violência étnico-religiosa. Uma multidão de hindus voltou a incendiar lojas e casasde muçulmanos e a atacar mesquitas na cidade de Ahmadabad. Um hindu de 20 anos também foi morto a facadas e seu paigravemente ferido por desconhecidos. Quase 700 pessoas já foram mortas nesses conflitos desde o dia 27.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.