Novos confrontos agitam cidade egípcia de Porto Said

Novos confrontos entre manifestantes e policiais tiveram início nesta quarta-feira na cidade egípcia de Porto Said, apesar dos esforços do Exército para separar os dois lados.

AE, Agência Estado

06 de março de 2013 | 09h46

Os militares foram enviados nesta quarta-feira para a região do complexo governamental, onde os manifestantes estão acampados há semanas. Eles removeram as barracas os manifestantes, numa tentativa de evitar novos episódios de violência, após três dias de confrontos que já deixaram seis pessoas mortas, dentre elas três policiais.

Apesar dos esforços dos militares, nesta quarta-feira os manifestantes lançaram pedras contra a polícia, que respondeu lançando gás lacrimogêneo.

O Exército foi enviado pela primeira vez a Porto Said em janeiro, com o objetivo de proteger importantes instituições do Estado, após uma série de protestos de rua. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EgitoPorto Saidconfrontos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.