Novos confrontos deixam 15 mortos no Egito

Novos confrontos entre forças de segurança do Egito e partidários do presidente islâmico deposto Mohamed Mursi deixaram ao menos 15 pessoas mortas neste domingo, informou um funcionário do Ministério da Saúde ao canal ONTV.

Agência Estado

06 de outubro de 2013 | 13h16

Partidários de Morsi e integrantes da Irmandade Muçulmana marcharam em várias cidades para denunciar a derrubada dos militares do líder islâmico, enquanto milhares festejavam o exército no aniversário da guerra entre árabes e israelenses, em 1973. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Egitoviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.