Número de mortos em enchentes ultrapassa 500; águas ameaçam Bangcoc

O governo da Tailândia confirmou ontem que passa de 500 o número de mortos nas piores enchentes que atingiram o país nos últimos 50 anos. O norte e o centro do país foram as regiões mais atingidas.

O Estado de S.Paulo

07 de novembro de 2011 | 03h05

Não foram registradas mortes em Bangcoc, mas um quinto da cidade está inundada. Milhares de moradores, de 8 dos 50 distritos da capital, deixaram suas casas. Ontem, as águas começaram a entrar na maior zona de comércio da capital, o famoso mercado de fim de semana Chatuchak, uma das principais atrações turísticas de Bangcoc. Água poluída invadiu a cidade, ameaçando os moradores.

A província de Ayutthaya, há um mês debaixo d'água, registrou 90 mortes - o maior número até o momento. O governo promete começar a limpar a região esta semana.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.