Número de mortos em Hiroshima sobe para 39

Subiu para 39 o número de pessoas mortas em Hiroshima, no Japão, após deslizamentos de terra provocados por chuvas torrenciais, informou nesta quinta-feira a polícia japonesa. O desastre natural, que ocorreu na quarta-feira, também causou o desaparecimento de pelo menos 51 pessoas. Segundo os bombeiros, 23 pessoas ficaram feridas, 13 delas gravemente.

Estadão Conteúdo

21 de agosto de 2014 | 15h53

Com as chuvas, encostas cederam ou foram arrastadas para baixo em áreas residenciais de pelo menos cinco vales nos subúrbios da cidade, que fica no oeste do Japão. A prefeitura de Hiroshima tem sido alvo de muitas críticas, já que as ordens para evacuar a região atingida veio somente uma hora depois do primeiro deslizamento de terra. Autoridades explicam que o atraso se deu porque as terras desmoronaram muito rapidamente em vários locais.

Cerca de 2.500 policiais e militares japoneses fazem as buscas na região.Deslizamentos são riscos constantes em áreas montanhosas e povoadas do Japão, onde muitas casas são construídas próximas a encostas muito inclinadas. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
JapãoHiroshimadeslizamentodesastre

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.