Número de mortos em naufrágio na Coreia do Sul sobe para 61

Outras 240 pessoas ainda estão desaparecidas, segundo a Guarda Costeira do país

Atualizado às 11 horas, Agência Estado

20 de abril de 2014 | 08h13

(Atualizada às 20h51) Subiu para 61 o número de mortes confirmadas no naufrágio de um navio na Coreia do Sul, informou neste domingo, 20, a guarda costeira do país. Outras 240 pessoas ainda estão desaparecidas.

Separadamente, um oficial da marinha disse que um marinheiro morreu depois de sofrer uma lesão na cabeça durante as operações de retirada dos corpos.

As autoridades informaram que mergulhadores conseguiram chegar ao interior da embarcação pela primeira vez neste domingo, vencendo a escuridão quase completa e as correntes marítimas. Segundo a guarda costeira, a equipe que trabalha no local está enfrentando condições "traiçoeiras", que fazem do resgate dos corpos uma missão desgastante fisicamente.

Neste sábado, o chefe do grupo de resgate disse que havia a chance de encontrar mais alguém vivo era "quase zero".

O navio naufragou na quarta-feira com mais de 400 pessoas - a maior parte estudantes secundaristas - a bordo.

O capitão da embarcação foi preso sob suspeita de negligência e de abandonar as pessoas que precisavam de ajuda. Outros dois membros da tripulação estavam sob custódia.

Fontes: Dow Jones Newswires e AP

Tudo o que sabemos sobre:
Coreia do Sulnaufrágio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.