Número de mortos em terremoto de Bam supera 41.000

Autoridades informaram que mais de 41.000 pessoas morreram no devastador terremoto que atingiu a cidade iraniana de Bam no fim de 2003, elevando o número de mortos em mais de 10.000, diz a Agência de Notícias da República Islâmica, conhecida pelas iniciais Irna.Mohammad Mohammadi Golpayegani, um assessor próximo do supremo líder iraniano aiatolá Ali Khamenei, alertou que o número final de mortos poderia atingir 45.000, prosseguiu a Irna. Hoje, Golpayegani acompanhou o aiatolá em uma visita não anunciada a Bam para supervisionar as operações de resgate, informou a agência.Um tremor de terra de 6,6 graus na escala Richter atingiu a histórica cidade de Bam, no sudeste do Irã, em 26 de dezembro de 2003. Números divulgados anteriormente pelo governo local estabeleciam em mais de 30.000 o número de mortos. Outras 15.000 pessoas ficaram feridas. Antes da tragédia, Bam tinha pouco mais de 80.000 habitantes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.