REUTERS/Paul Hackett
REUTERS/Paul Hackett

Número de pessoas bêbadas detidas nos aeroportos britânicos aumenta em 50%

Segundo a BBC, mais da metade das pessoas que atuam na tripulação de cabine e participaram de inquéritos admitiu ter sido testemunha de comportamentos conflituosos por parte de passageiros embriagados

O Estado de S.Paulo

14 Agosto 2017 | 12h42

LONDRES - O número de detenções de pessoas bêbadas em aeroportos do Reino Unido e durante os seus voos aumentou em 50%, revelou nesta segunda-feira, 14, a rede BBC. Entre fevereiro de 2016 e deste ano, 387 pessoas foram presas em razão desse tipo de comportamento, contra 255 no ano anterior.

Segundo uma investigação feita pela equipe de um programa que a BBC divulgará esta noite, mais da metade das pessoas que atuam na tripulação de cabine e participaram dos inquéritos admitiu ter sido testemunha de comportamentos conflituosos por parte de passageiros em estado de embriaguez nos aeroportos britânicos.

Assim, o Ministério de Interior "planeja" a possibilidade de adotar medidas legais com o objetivo de combater este problema. As empresas aéreas pedem ao governo que torne ilegal que passageiros bebem suas próprias bebidas nos aviões, segundo informações do jornal Telegraph.

A BBC obteve os dados relativos às detenções de 18 das 20 forças policiais que contam com um aeroporto importante na sua área de ação. Segundo a pesquisa, um em cada quatro membros da tripulação entrevistados afirmou ter sido vítima de abuso físico por parte de alguns passageiros.

Em julho de 2016, a indústria da aviação introduziu um código de conduta voluntária para abordar o problema, do qual a maioria das companhias aéreas aderiu. / EFE

Mais conteúdo sobre:
Reino Unido [Europa] Aeroporto

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.