Número de refugiados sírios já atinge 1 milhão, diz ONU

O Alto Comissário das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR) afirma que o número de cidadãos sírios que fugiram do país e estão buscando ajuda em outras nações já atingiu a marca de um milhão desde que o conflito começou há cerca de 2 anos.

AE, Agência Estado

06 de março de 2013 | 06h02

Em um comunicado divulgado nesta quarta-feira em Genebra, António Guterres, chefe do Acnur, diz que o número é baseado em relatórios dos agentes de campo da ONU em países vizinhos que ofereceram refúgio para os cidadãos sírios. Com outros milhões deslocados na região, mas ainda dentro da Síria, Guterres adverte que o país está indo em direção "a um desastre completo".

Ele alega que o número de refugiados aumentou dramaticamente desde o primeiro dia do ano, com a maioria dos sírios fugindo para o Líbano, Jordânia, Turquia, Iraque e Egito.

A presença deles sobrecarrega severamente os recursos dos países que os recebem e as comunidades internacional doadora inteira, de acordo com a ONU. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
ONUsÍRIA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.