Obama adverte democratas do excesso de confiança

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, fez um alerta na sexta-feira (28) a doadores de campanha abastados que tenham cuidado com o excesso de confiança. Segundo ele, os democratas têm uma tendência de acreditar que ou "o céu está caindo ou tudo está maravilhoso".

LUCIANA ANTONELLO XAVIER, Agência Estado

29 de setembro de 2012 | 13h13

"Isso será uma corrida (presidencial). Temos de preparar nossos corações para os próximos 39 dias", disse o candidato democrata à reeleição. "E não quero que ninguém sinta que de algum modo estaremos acabados em seis semanas", completou Obama dirigindo-se a uma plateia de cerca de 80 pessoas, que pagaram 20 mil cada para estar no evento.

Obama fez o alerta no segundo de três eventos para levantar fundos de campanha. O adversário de Obama nesta eleição é o republicano Mitt Romney. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Obamademocratasalerta

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.