Obama apoia Japão em disputa territorial com a China

O presidente Barack Obama confirmou nesta quarta-feira que o tratado mútuo de segurança com o Japão se aplica às ilhas no centro de uma disputa territorial entre a China e o Japão.

AE, Agência Estado

23 de abril de 2014 | 02h38

Em resposta escrita a questionamento do jornal Yomiuri antes de chegar a Tóquio, Obama afirmou que o tratado é claro. "As ilhas Senkaku são administradas pelo Japão", afirmou, para explicar que sendo assim a região faz parte do tratado. "E nós nos opomos a qualquer tentativa unilateral de minar a administração japonesa dessas ilhas."

A declaração é vista como uma tentativa de garantir os japoneses que os EUA os defenderão se os chineses reclamarem o controle das ilhas, conhecidas pelo nome de Diayou na China.

Obama afirmou que os EUA estão aprofundando os laços com a China, mas explicou que essa aproximação não se dará "às custas do Japão ou de qualquer outro aliado".

O presidente dos EUA também afirmou ao jornal que continuará a adotar medidas para reduzir a presença militar em Okinawa, mas lembrou que essas forças são "absolutamente críticas para a segurança mútua". Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Euajapãochina

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.