Obama declara 'grande desastre' em Oklahoma

O presidente dos EUA, Barack Obama, declarou situação de "grande desastre" em Oklahoma, tendo em vista que o estado se recupera depois que um enorme tornado atravessou os subúrbios de Oklahoma City nesta segunda-feira, matando dezenas de pessoas.

AE, Agência Estado

21 de maio de 2013 | 01h57

Obama ordenou que ajuda federal complemente os esforços estaduais e locais de reconstrução. Indivíduos e empresários afetados pelo desastre podem se candidatar para receber verbas federais para habitação temporária e reparos domésticos, empréstimos de baixo custo para cobrir as perdas de propriedade sem seguro, além de outros programas.

O presidente prometeu a ajuda federal em uma conversa por telefone, na segunda-feira, com a governadora de Oklahoma, Mary Fallin. A Agência Federal de Emergências enviou uma equipe especial para o centro de operações de emergência de Oklahoma para da assistência e enviar recursos. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAtornadooklahoma

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.