Obama deve visitar África a partir de quarta-feira

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, deve viajar à África a partir desta quarta-feira em meio a um período de incerteza sobre o estado de saúde do líder sul-africano Nelson Mandela.

AE, Agência Estado

26 Junho 2013 | 07h04

Obama deve partir para uma viagem que incluirá visitas a Senegal, África do Sul e Tanzânia. Um dos objetivos do presidente norte-americanos é promover a democracia e oportunidades econômicas no continente africano. Obama só visitou a África subsaariana uma vez como presidente, quando passou brevemente por Gana em 2009.

Na África do Sul, Mandela está hospitalizado em condições críticas. Os assessores da Casa Branca dizem que conversarão com a família do líder do movimento antiapartheid para verificar se eles está em condições de receber uma visita de Obama.

Na terça-feira, o arcebispo sul-africano Thabo Makgoba que visitou Nelson Mandela no hospital ofereceu uma oração ao líder, na qual ele deseja um fim "pacífico e perfeito".

Na oração, Makgoba pediu coragem "neste momento difícil" à esposa de Mandela, Graça Machel, e outros que amam Mandela. Ele também pediu a Deus que ajudasse a equipe médica que está tratando o líder sul-africano, que foi levado para o hospital em 8 de junho. O presidente Jacob Zuma disse que a condição de Mandela - anteriormente descrita como grave mas estável - tinha se deteriorado no fim de semana.

Thabo Makgoba, arcebispo anglicano da Cidade do Cabo, postou a oração no Facebook depois de visitar o hospital onde Mandela está sendo tratado.

"Que a Sua bênção resida sobre Madiba agora e sempre", disse Makgoba na oração, usando o nome do clã de Mandela. "Concedei-lhe, nós oramos, uma noite tranquila e um fim pacífico e perfeito". Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
ObamaÁfrica

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.