Obama discursa no parlamento ao chegar em Gana

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, optou hoje por fazer um discurso para uma seleta plateia de membros do parlamento de Gana, decepcionando os que esperavam por um pronunciamento público, segundo o Wall Street Journal. Sua recepção na capital foi, apesar de tudo, empolgada, com Gana no papel de anfitriã durante a primeira visita de Obama à África Subsahariana como presidente.

AE-DOW JONES, Agencia Estado

11 de julho de 2009 | 11h37

Milhares de ganeses aguardavam nas ruas bloqueadas de Acra neste sábado, esperando em silêncio pela passagem da comitiva de Obama. Isso foi o mais perto que a maior parte dos ganeses iriam conseguir chegar do homem que esperavam tão ansiosamente para dar as boas vindas. Muitos tinham a expectativa de que Obama discursaria para uma multidão, como fez o ex-presidente Bill Clinton durante sua visita em 1998. Clinton falou para uma plateia estimada em 1 milhão de pessoas em sua viagem ao país.

As ruas têm sido recapeadas, calçadas pintadas e camisetas com a imagem de Obama e bandeiras eram vistas por toda a parte. Uma mulher que esperava para ver a chegada do presidente americano nesta manhã tinha pintado em suas costas "Akwaaba Obama," que no idioma local significa bem-vindo.

A manchete do maior jornal do país neste sábado diz "Bem-vindo à sua casa, Obama". Um anúncio da Ghana Cocoa Board mostra o rosto de Obama criado a partir de grãos de cacau. Gana é o segundo maior exportador de cacau do mundo, atrás apenas da Costa do Marfim.

Gana, que já é um dos destinos turísticos mais populares da África, prevê um impulso significativo no fluxo de turistas com a visita. Uma operadora de turismo disse a uma estação de rádio local que a chegada do presidente americano inspirou um novo slogan para sua companhia: "Obama veio para cá. Quando você vem?"

Tudo o que sabemos sobre:
ObamaGana

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.