EFE/NED REDWAY
EFE/NED REDWAY

Obama diz que presidência americana não é um 'reality show'

Em crítica ao virtual candidato republicano Donald Trump, presidente americano afirmou que histórico do magnata 'precisa ser analisado'

O Estado de S. Paulo

06 Maio 2016 | 17h19

WASHINGTON - O presidente Barack Obama fez um alerta em relação à candidatura do polêmico candidato republicano Donald Trump nesta sexta-feira, 6, ao afirmar que a presidência dos Estados Unidos não é um "reality show." Obama também declarou que o histórico de Trump precisa ser analisado.

"Ele tem um longo histórico que precisa ser examinado de perto, e acho que é importante para nós levar a sério as declarações que ele fez no passado", declarou Obama.

"Vivemos um período muito sério e a presidência é um trabalho muito sério. Isso não é entretenimento. Isso não é um 'reality show'", enfatizou Obama. O presidente se referia ao fato de o magnata ter sido o apresentador do reality show "O aprendiz".

Trump praticamente conseguiu a indicação republicana depois da desistência de seus últimos dois adversários, Ted Cruz e John Kasich, mas sua vitória está longe de ser aceita nas fileiras partidárias. / AFP

Mais conteúdo sobre:
Donald TrumpEUAeleições EUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.