Obama e Bill Clinton reforçam campanha de democratas

Presidente e ex-mandatário devem passar a semana em Illinois apoiando candidatos

Agência Estado e Associated Press

26 de outubro de 2010 | 12h56

WASHINGTON - O presidente dos EUA, Barack Obama, e o ex-presidente Bill Clinton, devem passar pelo Estado de Illinois nesta última semana de campanha antes das eleições parlamentares. A intenção é evitar uma embaraçosa derrota pela cadeira ocupada antes pelo próprio Obama.

 

Os dois mais eficientes nomes da campanha do Partido Democrata demonstraram seu apoio ao candidato Alexi Giannoulias, que tenta uma vaga no Senado, e ao governador Pat Quinn. Este enfrenta o peso de ter sido o vice do ex-governador Rod Blagojevich, afastado do poder em meio a acusações de corrupção.

 

Uma semana antes da eleição, a principal dúvida é sobre o tamanho das perdas dos democratas na Câmara dos Representantes e no Senado. Também são esperadas algumas vitórias do Partido Republicano em corridas para governador e em parlamentos estaduais. Obama e os democratas lutam contra a raiva dos eleitores pelo mau estado da economia, que deve dar aos republicanos o controle da Câmara dos Representantes. No Senado, a tendência é que a oposição ganhe força, mas não o controle da Casa.

 

Obama está em Washington nesta terça-feira, fazendo uma pausa em suas ações na campanha. Mais tarde, deve retomar suas viagens. A primeira-dama Michelle Obama também está participando bastante. Na noite de segunda-feira, Michelle estava em São Francisco pedindo votos para os legisladores democratas.

 

O presidente dos EUA deve passar nesta semana por Connecticut e pela Pensilvânia. Ainda deve seguir para Ohio, onde o governador Ted Strickland sofre na disputa com o desafiante republicano John Kasich, além da aparição programada para Illinois, onde o ex-presidente Bill Clinton também deve participar da reta final da campanha.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.