Obama e McCain disputam votos do eleitorado religioso

Em um fórum sobre questões deética e fé, no sábado, Barack Obama citou o consumoexperimental de drogas na juventude e John McCain, o fracassode seu primeiro casamento como sendo suas maiores falhasmorais. O democrata Obama e o republicano McCain se encontraramrapidamente no palco do fórum presidido pelo pastor evangélicoRick Warren, que entrevistou os dois candidatos separadamente.Foi uma oportunidade importante para os candidatos tentaremconseguir a adesão dos eleitores religiosos, que formarão umaparcela importante do eleitorado em novembro. "Tive uma juventude difícil", disse Obama quando Warren lheperguntou sobre sua maior falha moral. "Houve momentos em queexperimentei drogas." Mais amplamente, Obama disse que uma das maiores falhasmorais do país envolve o tratamento dado aos pobres. Respondendo à mesma pergunta, McCain falou: "Minha maiorfalha moral, e sou uma pessoa muito imperfeita, foi o fracassode meu primeiro casamento." Quanto às falhas morais dos americanos, McCain disse:"Talvez não nos tenhamos dedicado suficientemente a questõesmaiores que nosso interesse próprio, embora tenhamos sido osmelhores nisso." Os chamados cristãos evangélicos respondem por um em cadaquatro adultos americanos e têm sido uma base conservadoraimportante do Partido Republicano, com forte destaque para aoposição ao aborto e aos direitos dos homossexuais, além dapromoção dos valores familiares "tradicionais". Indagado sobre essas questões-chaves, Obama disse que é afavor do direito das mulheres de fazerem abortos, mas que quertrabalhar para reduzir o número das mulheres que o fazem. Indagado especificamente sobre quando começam os direitoshumanos dos bebês, ele disse que tal resposta específica estavafora de sua alçada. Falando diretamente à base cristã do Partido Republicano,McCain respondeu enfaticamente que esses direitos começam "coma concepção". Ele mencionou seu longo histórico de atuaçãocontra o aborto e disse que, como presidente, continuará acombater o aborto. Autor do best-seller "The Purpose-Driven Life" e pastor deuma mega-igreja com 20 mil fiéis na Califórnia, Rick Warren fazparte de uma nova geração de líderes cristãos que pede a seusseguidores um envolvimento maior na solução dos problemasmundiais, incluindo a pobreza e as doenças.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.