Obama e McCain estarão juntos em 11 de setembro

Os candidatos àPresidência dos Estados Unidos, John McCain e Barack Obama, vãoaparecer juntos em Nova York, no dia 11 de setembro, no localonde ficavam as torres do World Trade Center. "Todos nós nos juntamos no dia 11 de setembro, não comodemocratas ou republicanos, mas como americanos. Em corredorescheios de fumaça ou nos degraus de Capitol; em bancos de sangueou em vigílias, nós nos unimos como uma única famílianorte-americana", escreveram os dois senadores em comunicadoconjunto divulgado no sábado. "Na quinta-feira, vamos deixar a política de lado e nosjuntar para renovar esta unidade, para honrar as famílias eamigos que perderam pessoas queridas." Esta será a primeira vez que o republicano McCain e odemocrata Obama aparecerão juntos desde que suas candidaturasforam oficializadas pelos respectivos partidos à eleição de 4de novembro. Os dois raramente estiveram juntos ao longo da campanha.McCain desafiou Obama a uma série de encontros, mas algunsdetalhes não puderam ser acertados e esses encontros nuncaaconteceram. Os dois dividiram o palco rapidamente na igreja deSaddleback, na Califórnia, no mês passado, durante temposuficiente apenas para algumas fotos. Cerca de 3 mil pessoas morreram no dia 11 de setembroquando aviões controlados por sequestradores se chocaram contraas torres gêmeas do World Trade Center, o Pentágono e um campona Pensilvânia. "Também agradeceremos os bombeiros, a polícia e aosserviços de emergência que deram um exemplo heróico de serviçoaltruísta, além dos homens e mulheres que servem hoje em defesada liberdade e da segurança que foram atacadas na cidade deNova York, no Pentágono e em Shanksville, Pensilvânia", disse ocomunicado. (Por Deborah Charles) REUTERS MR IV

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.