Obama está aberto a ter Hillary como vice

O pré-candidato democrata àPresidência dos Estados Unidos Barack Obama não descartou nestaquinta-feira escolher sua rival de partido Hillary Clinton comocandidata à vice-presidência se ela for derrotada na disputapela nomeação. "Não há dúvida que ela tem qualidade para service-presidente, não há dúvida que ela tem qualidade para serpresidente", disse Obama à NBC News. Em uma entrevista para a CNN, o senador disse que não haviaconsolidado a indicação democrata à Casa Branca, mas quando ofizer, começará a procurar por um vice. "Ela é incansável, inteligente. Ela é capaz. E obviamente,ela estaria em qualquer lista para ser uma potencial candidataa vice-presidente", disse Obama, que chegou mais perto deconseguir a nomeação do partido ao derrotar Hillary na Carolinado Norte e ao quase ganhar da rival em Indiana. Alguns democratas dizem que Obama e Hillary formariam umaequipe formidável contra o republicano John McCain na corridapara as eleições de novembro. De acordo com uma pesquisa da CBS News/New York Timespublicada na semana passada, a maioria de eleitores de Obama eHillary disseram que gostariam de uma chamada "Aliança dosSonhos" envolvendo os dois candidatos. A campanha de Hillary desviou-se da discussão. O porta-vozda campanha Howard Wolfson disse a jornalistas na quarta-feiraque era prematuro discutir tal aliança e que ele ainda nãohavia ouvido Hillary expressar interesse na vice-presidência. (Reportagem de Steve Holland)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.