Obama firma lei que permite gays no Exército

O presidente Barack Obama sancionou ontem a legislação que permite aos gays servirem as Forças Armadas dos Estados Unidos abertamente. A retificação da lei põe fim à política do "Não pergunte, Não conte", estimulada por regras que só permitiam a permanência de homossexuais não assumidos entre os militares. A aprovação da nova lei é a segunda de três vitórias esperadas por Washington antes da perda da maioria no Congresso.

, O Estado de S.Paulo

23 de dezembro de 2010 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.