Obama pede apoio à Regra Buffet em discurso no rádio

O presidente dos EUA, Barack Obama, usou neste sábado seu discurso semanal no rádio para pedir apoio para a Regra Buffet, que determina um imposto mínimo a milionários, antes de uma votação no Senado na próxima semana.

CLARISSA MANGUEIRA, Agência Estado

14 de abril de 2012 | 10h10

"Como os americanos correm para apresentar suas declarações de impostos neste fim de semana, vale a pena ressaltar que temos um sistema fiscal que nem sempre respeita o princípio de todos fazendo a sua parte", disse o presidente. O prazo anual para a declaração dos impostos é na próxima semana.

Ele afirmou que pelo fato de a nação ter déficits "sérios" que precisam ser eliminados e necessitar fazer investimentos para estimular o crescimento econômico, "não podemos gastar mais dinheiro com cortes de impostos para os americanos mais ricos, que não precisam deles e nem mesmo pedir por eles".

Durante grande parte da semana passada, Obama pediu que os membros do Congresso apoiem um novo imposto mínimo de 30% para os milionários como uma maneira de financiar a educação e outros projetos no país. A votação no Senado deverá ser realizada na segunda-feira e a taxa provavelmente será rejeitada, visto que os Republicanos criticaram a ideia, afirmando que ela era uma distribuição de renda e não ajudaria a reduzir o déficit do país.

Destacando pesquisas que mostraram que o país apoia mais impostos sobre a renda, Obama afirmou que os Republicanos precisam "estar junto onde o país está". As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
ObamaRegra Buffet

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.