Obama pede renúncia de governador de Illinois

O presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama, pediu hoje a renúncia do governador de Illinois, Rod Blagojevich, detido ontem em meio às investigações de um escândalo de corrupção, informou a revista eletrônica norte-americana Politico em sua página na internet. Robert Gibbs, porta-voz de Obama, divulgou nota, citada no site, na qual afirma que o presidente eleito concorda com políticos de Illinois e de outras partes dos EUA que, "sob as atuais circunstâncias, é difícil para o governador exercer efetivamente seu trabalho e servir ao povo de Illinois".Rod Blagojevich é suspeito de tentar "vender a cadeira" que Obama deixará vaga ao assumir a presidência dos EUA, em 20 de janeiro de 2009. Pela legislação de Illinois, o governador deve apontar o novo membro do Senado, caso o posto fique vago. Para Obama, a Assembléia Geral de Illinois deveria assumir a condução do "processo de escolha de um novo senador que tenha a confiança do povo" do Estado, prossegue a nota.O comunicado divulgado hoje eleva o tom da reação de Obama ao escândalo. Ontem, o presidente eleito dos EUA declarou-se "entristecido" com a detenção do governador e afirmou que não faria mais nenhum comentário além de dizer que não manteve nenhum contato com Blagojevich com relação a seu sucessor no Senado. As informações são da Dow Jones e do site da Politico.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.