Obama sanciona lei de garantia de crédito à Ucrânia

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, assinou nesta quinta-feira lei para fornecer US$ 1 bilhão em garantias de crédito dos EUA para a Ucrânia. A legislação sancionada pelo presidente também pune a Rússia pela anexação da região da Crimeia, que pertencia à Ucrânia.

AE, Agência Estado

03 de abril de 2014 | 18h41

A lei ratifica a imposição de sanções diretas contra indivíduos que tiveram algum envolvimento na crise ucraniana. A proposta já havia sido aprovada no Congresso norte-americano.

Alguns parlamentares agora pressionam Obama a tomar outras medidas, incluindo o aumento das exportações de gás natural para a Europa. O presidente deve se reunir com legisladores ainda nesta quinta-feira para discutir a situação da Ucrânia. Fonte: Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.