Kevin Lamarque/Reuters
Kevin Lamarque/Reuters

Obama telefona para mulher da Flórida e deseja feliz Dia das Mães

Tocada pelas palavras do presidente em seu discurso do Estado da União sobre a sua própria mãe, Patricia Church escreveu para a Casa Branca; na quarta-feira, ela recebeu um telefonema: 'Oi, Patty? Aqui é Barack Obama'

O Estado de S. Paulo

10 de maio de 2015 | 18h12


A carta de uma mulher da Flórida para a Casa Branca resultou em um telefonema do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama. Tocada pelas palavras de Obama em seu discurso do Estado da União sobre a sua própria mãe, Patricia Church escreveu para o presidente.

Na quarta-feira, enquanto estava em seu trabalho de atendimento ao cliente, ela recebeu um telefonema. "Oi, Patty? Aqui é Barack Obama", disse o presidente. "De jeito nenhum!", respondeu ela.

Patricia, de 50 anos, disse que o telefonema durou apenas alguns minutos, mas que pareceram uma eternidade. Ela relatou que Obama desejou a ela um feliz Dia das Mães antecipado e fez elogios pelo fato de criar quatro filhos sozinha.

Ela disse ao jornal DaytonaBeach que o presidente disse que entendia seus esforços, porque sua própria mãe era uma mãe solteira. / FONTE ASSOCIATED PRESS

Tudo o que sabemos sobre:
barack obamaEUAdia das mães

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.