Obama tem mais chance de vencer no Colégio Eleitoral

O presidente Barack Obama deve conseguir os 270 votos no Colégio Eleitoral necessários para ser reeleito, apesar de pesquisas de intenção de voto indicarem empate, mostra análise da Associated Press. A eleição acontece na semana que vem, no dia 6 de novembro.

AE, Agência Estado

29 de outubro de 2012 | 12h09

Nos EUA o presidente não é eleito necessariamente pela maioria dos votos. Vence quem alcançar 270 votos em um Colégio Eleitoral de 538 cadeiras - e cada Estado tem um peso diferente na disputa. Enquanto muitos Estados têm tradição de votar sempre em um determinado partido, alguns Estados mudam de lado de uma eleição para outra.

De acordo com a projeção da AP, Obama conseguiu evitar que candidato do Partido Republicano, Mitt Romney, convertesse em votos no Estado de Ohio o bom momento causado pelos debates na televisão. Sem os 18 votos eleitorais de Ohio, Romney precisará de vitórias de última hora em quase todos Estados considerados indefinidos, também chamados de "swing states". Nunca um candidato republicano perdeu em Ohio e tornou-se presidente

A AP ressalta que muita coisa pode acontecer até o dia da eleição. A projeção é baseada em pesquisas públicas e internas, números de gastos de campanha e entrevistas com dezenas de especialistas.

A análise mostra que Obama venceria em 21 Estados, incluindo Ohio, Wisconsin, Iowa, e no distrito de Columbia, conseguindo assim pelo menos 271 votos no Colégio Eleitoral. Romney parece caminhar para obter 206 votos em 23 Estados, incluindo a Carolina do Norte, onde Obama venceu em 2008. O resultado no Colorado, Flórida, Nevada, New Hampshire e Virgínia, com 61 votos combinados, ainda está indefinido. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAeleiçãoprojeção

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.