Obama vai a hospital com dor de garganta

A Casa Branca informou que o presidente dos Estados Unidos Barack Obama foi ao hospital neste sábado por causa de uma dor de garganta. O presidente norte-americano fez uma visita inesperada do hospital militar de Maryland.

Estadão Conteúdo

06 de dezembro de 2014 | 20h37

Segundo o porta-voz da Casa Branca, Josh Earnest, Obama passou por exames no centro médico militar nacional Walter Reed.

O médico Ronny Jackson disse que pediu a realização de uma tomografia computadorizada para estudar a persistente dor de garganta do presidente. "A tomografia estava normal", declarou. "Os sintomas do presidente são consistentes com inflamação relacionada a refluxo ácido e serão tratados", completou o médico.

A Casa Branca ainda informou que os exames eram uma questão de conveniência, mas não eram urgentes.

A visita ao hospital não foi planejada e deixou jornalistas que acompanham a Casa Branca surpresos. O grupo de repórteres que normalmente acompanha a agenda do presidente onde quer que ele esteja havia sido mandado para casa, uma vez que a agenda de Obama estava vazia. A decisão de Obama de visitar o hospital foi avisada em cima da hora, fazendo com que alguns jornalistas não conseguissem voltar à Casa Branca a tempo de viajarem para Maryland. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAObamahospitalgarganta

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.